Belutti abre as portas de sua casa e mostra a intimidade com o filho: ‘Ele puxou ao pai’
11/07/2016 07:47 em Música

Quis o destino, que em um domingo de manhã, a vida do cantor Belutti ganhasse novo sentido. No dia 17 de abril de 2016, nasceu seu primeiro filho, Luís Miguel, e a partir daí as viagens do sertanejo nunca mais foram as mesmas. “A saudade é grande, principalmente, quando recebo fotos. O maior tempo que fiquei longe dele foi quatro ou cinco dias, mas já pareceu um tempão”, conta ao apresentador Serginho Groisman.

No Altas Horas, Belutti abriu as portas de sua casa e mostrou um pouco de sua intimidade com o filho. “Acho que ele puxou ao pai, mas com os olhos da mãe. A cabeça parece que é minha, é meio cabeçudo”, brinca. Dono de uma agenda lotada, o cantor afirma que os seus horários não prejudicam tanto a sua relação com o filho. “Acaba sendo vantajoso, porque eu chego às 6h e, às vezes, a Thaís (Pacholek) está acordada dando de mamar para o Luís Miguel, aí eu fico um pouco com ele, dou um beijinho, pego para brincar um pouco ou fazê-lo dormir e arrotar.”

Assumidamente um pai babão, Belutti se derrete todo ao relembrar o nascimento de Luís Miguel. “Ele demorou três segundos para começar a chorar e eu demorei três segundos para perceber que a voz dele era fina e limpa.”Autor de grandes sucessos, o cantor revela que ainda não conseguiu compor uma canção especial para o filho. “Uma vez, eu peguei o violão para começar a compor, mas achei que não estava legal, que tinha que estar mais inspirado”, confessa.

Enquanto não ganha um hit próprio, Luís Miguel se contenta com as canjinhas que o pai costuma dar para ele. “Eu canto para ele, mas não consigo cantar muito para fazê-lo dormir, porque sou um cara que não consegue cantar muito baixo.”

COMENTÁRIOS