Roberto Carlos faz 60 anos de carreira em 2019 com intenção de concretizar projeto de disco em italiano
02/01/2019 10:12 em Novidades

Por Mauro Ferreira, G1 

 

Foi em 1959 que o cantor capixaba, então já residente na cidade do Rio de Janeiro (RJ), debutou no mercado fonográfico, gravando e lançando naquele ano um disco de 78 rotações por minuto. 

Esse disco apresentou duas músicas inéditas de autoria de Carlos Imperial (1935 – 1992), Fora do tom e João e Maria (esta em parceria com o próprio Roberto), que evocavam a bossa então novíssima apresentada em 1958 por João Gilberto. 

João, aliás, era a referência de canto para o então iniciante Roberto, que aos 18 anos imitava o colega baiano nas apresentações que fazia como crooner da boate carioca Plaza. 

 
Roberto Carlos quer gravar o disco anunciado em agosto, em show em São Paulo — Foto: Divulgação / Sony MusicRoberto Carlos quer gravar o disco anunciado em agosto, em show em São Paulo — Foto: Divulgação / Sony Music

Roberto Carlos quer gravar o disco anunciado em agosto, em show em São Paulo — Foto: Divulgação / Sony Music 

Em que pese a data redonda dos 60 anos de carreira, Roberto Carlos entra hoje em 2019 com vontade de concretizar o projeto de gravar um álbum em italiano. Essa ideia foi anunciada pelo cantor em público, em 24 de agosto de 2018, em show feito pelo Rei na cidade de São Paulo (SP). 

O projeto motivou o artista a convidar a cantora Zizi Possi – que tem dos discos em italiano no currículo, Per amore (1997) e Passione (1998) – para participar do último especial de fim de ano de Roberto, Muito romântico, exibido em 21 de dezembro pela TV Globo.

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!