No CD 'Contrafluxo', Dora Vergueiro recai no samba com Chico e Gershwin
08/10/2017 - 6h43 em Música

por Mauro Ferreira

 

Os compositores norte-americanos George Gershwin (1898 – 1937) e Ira Gershwin (1896 – 1983) caem no samba através de Dora Vergueiro. No quinto álbum, Contrafluxo (Biscoito Fino), a cantora e compositora paulistana de criação carioca dá voz à versão em português de um dos standards dos irmãos compositores, The man I love (1927), lançado há 90 anos.


The man I love conservou o título original em inglês na versão em português feita por Maria Clara Vergueiro e gravada por Dora na cadência do samba, ritmo predominante no repertório deste disco produzido por Marlon Sette, tal como o antecessor Dora Vergueiro(2013), álbum lançado há quatro anos.


Em Contrafluxo, a artista recai no samba em dueto com Chico Buarque, convidado de Bebendo garoa, parceria do pai de Dora, Carlinhos Vergueiro, com o compositor baiano Edil Pacheco. Dando voz a parcerias que firmou com nomes como Toquinho (Pra te alegrar) e Vinicius Cantuária (Altar de corais), além do pai Carlinhos (coautor de temas como o xote Ouve a brisa), Dora Vergueiro segue em Contrafluxono tom plácido que pauta carreira fonográfica iniciada já há 21 anos com a edição do álbum Leve (1996).


(Crédito da imagem: capa do álbum Contrafluxo, de Dora Vergueiro)

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!